Central de Informações

Buscar:

Todos Artigos Notícias Estudos


Últimas notícias

Indumed na Expo Emergência 2013
Data: 17/07/2013
Visite o estande da Indumed na Expo Emergência 2013 e conheça um dos maiores avanços da ressuscitação nos últimos 20 anos!
» Ver detalhes

Indumed na Feira Hospitalar 2013
Data: 07/05/2013
Visite o estande da Indumed na Feira Hospitalar 2013 e conheça os novos equipamentos e tecnologias da ZOLL.
» Ver detalhes

CIRC Trial reforça papel do AutoPulse utilizado pelo SAMU-DF
Data: 20/06/2012
Novo estudo divulgado no Brasil reforça o papel da tecnologia utilizada pelo SAMU-DF no atendimento a vítimas de parada cardíaca
» Ver detalhes

Serviço de Ambulância Grega Padronizado com a ZOLL
Data: 07/10/2011
O serviço de ambulância grega completa a padronização para equipamentos de ressuscitação da ZOLL
» Ver detalhes

Forbes: ZOLL, uma das Empresas Mais Confiáveis dos EUA
Data: 07/10/2011
A ZOLL Medical é nomeada uma das empresas americanas mais confiáveis pelo 3º ano consecutivo
» Ver detalhes

Evidências Irrefutáveis da Importância da RCP Automatizada
Data: 07/10/2011
Novos documentos publicados sobre segurança nas ambulâncias apresentam evidências irrefutáveis da importância crítica da RCP automatizada
» Ver detalhes

Brigada de Incêndio de Berlim é Equipada com o AutoPulse
Data: 07/10/2011
A Brigada de Incêndio de Berlim é equipada com o AutoPulse da ZOLL – Bomba não-invasiva de suporte cardíaco
» Ver detalhes

AED Plus Equipando o Maior Terminal Aeroportuário Do Mundo
Data: 07/10/2011
Maior distribuição pública de AEDs na China
» Ver detalhes

 1 

Timerman Melhora Hemodinâmica com AutoPulse

Resumo: Performance hemodinâmica melhorada com um novo dispositivo de compressão torácica durante tratamento em parada cardíaca dentro de hospitais
Sergio Timermana, Luis Francisco Cardosoa, Jose A.F. Ramiresa, Henry Halperinb


a- The Heart Institute (InCor), Sao Paulo University School of Medicine, Sao Paulo, Brazil.
b- Cardiology Division, Departments of Medicine, Biomedical Engineering, and Radiology, Johns Hopkins Medical Institutions, Blalock 524, 600 N. Wolfe Street, Baltimore, MD 21205, USA


Introdução

Introdução: O objetivo deste estudo clínico piloto foi determinar se um novo dispositivo de compressão torácica poderia melhorar a hemodinâmica quando comparado com a
compressão torácica manual durante ressuscitação cardio-pulmonar (RCP) em humanos. O dispositivo é um compressor torácico electromecânico automático ajustável baseado na tecnologia AutoPulseTM (Zol Medical Corpotation) que utiliza uma banda de compressão distribuidora de carga (RCP-A) para comprimir a parede torácica anterior.


Métodos

Foram avaliados, com aprovação do corpo de revisores da instituição, um total de 31 doentes sequenciais com parada cardíaca súbita intra-hospitalar. Todos os doentes receberam tratamento prévio para doença cardíaca e a maioria tinha co-morbilidades. Os doentes foram incluídos após 10 min de protocolo de suporte avançado de vida (SAV) standard sem sucesso. Foram introduzidos cateteres preenchidos com fluído na aorta torácica e na aurícula direita e confirmada a sua localização pelas ondas de pressão e radiografia torácica. A pressão de perfusão coronária (PPC) foi medida como a diferença entre as pressões aórtica e auricular direita durante a fase de descompressão torácicas. Após 10 minutos de SAV sem sucesso e colocação dos cateteres, os doentes receberam compressões torácicas manuais e RCP-A alternadas durante 90s cada. As compressões torácicas foram administradas sem pausa para ventilação a 100 compressões/minuto e 60 compressões/minuto, respectivamente para RCP manual e RCP-A. Todos os doentes receberam intubação endotraqueal e foram ventilados por máscara com insuflador a 12 ventilações/min entre as compressões. Foi dada adrenalina (1mg bólus iv) conforme solicitado pelo médico responsável a intervalos de 3–5 min. Estiveram presentes registos
de pressões utilizáveis em 16 doentes (68 ± 6 anos, 5 mulheres), e só se apresentam os dados desses doentes. As compressões torácicas RCP-A aumentaram a pressão aórtica máxima em comparação com as compressões torácicas manuais (153 ± 28mmHg contra 115 ± 42 mmHg, P < 0.0001, média ± S.D.). Da mesma forma a RCP-A aumentou a pressão máxima na aurícula direita em relação à compressão torácica manual (20 ± 12mmHg contra 15 ± 11 mmHg, P < 0.015). As compressões torácicas foram de elevada qualidade, consistente (51±20 Kg) e emtodos os casos atingiram ou excederam as recomendações da American Heart Association para a profundidade das compressões.


Conclusão
Em investigação prévia demonstrou-se que o aumento da PPC se correlaciona com maior fluxo sanguíneo coronário e melhores taxas de retorno de circulação na paragem cardíaca súbita. O sistema RCP-A utilizando tecnologia AutoPulse demonstrou ser capaz de aumentar a pressão de perfusão coronária quando comparado com compressão torácica manual durante RCP nesta população de doentes graves.

 

 





Avenida Vereador José Diniz, 2303 - Campo Belo
São Paulo/SP - Brasil - CEP: 04603-001

Tel: (+55) 011 2626-4444